A volta da ROJO

Depois de 2 longos anos a revista ROJO vai voltar a ser publicada em forma impressa num novo formato. Vai ser vendida pelo mundo todo exclusivamente sob demanda. Chamada ROJO®book, será uma mistura de seleções de peças enviadas por artistas, e explorações dos seus idealizadores e as melhores peças de seus artistas, tudo remixado, misturado e atualizado, servido somente sob demanda.

Imagem

Seus trabalhos são altamente variados e na verdade eles prezam pela diversidade das submissões o que é extremamente benéfico para os leitores pois a cada página algo totalmente aleatório e inesperado pode surgir de qualquer parte do mundo. Suas páginas contêm trabalhos em 3d ou colagens simples mas sempre com algo de diferente e criativo o que são a marca registrada da ROJO que traz algo sempre inovador para seus leitores se deleitarem visualmente.

Imagem

 

Para quem não conhece a ROJO magazine é uma publicação que já existe a mais de 10 anos e foi impressa mais de 40 issues de artes visuais de primeira linha com artistas de ponta mostrando seu trabalho na mídia impressa. Uma das melhores fontes de inspiração que existe no momento. Alegra-nos todos artistas e aficionados por arte que ROJO voltará a ser impressa. O Interessante da ROJO é a maneira pela qual foi concebida, através da arte de outros artistas que enviam seus trabalhos para a revista e depois de uma seleção são mostrados em forma de mídia impressa para o mundo todo o que inspira pessoas de todo mundo a enviarem trabalhos para a ROJO pelo simples fato de terem a oportunidade de serem publicados. Esta iniciativa começou com a ROJO ou esta revista foi uma das primeiras a incentivarem este tipo de trabalho colaborativo que me alegra bastante pois sou um adepto do trabalho colaborativo em qualquer mídia. Vida longa a ROJO e vou ter que aumentar a dose de meu ansiolídico para compensar a espera da primeira edição depois de tanto tempo!  

Imagem

NIKITA NOMERZ – faces contagiantes

Nikita Nomerz é uma artista russa que transforma prédios abandonados e velhos em pinturas gigantescas de pessoas alegres. Sua arte transcende o ambiente artístico. Nikita pinta faces felizes e sorridentes em prédios antigos dando uma outra face para o lugar onde estes prédios estão. Um lugar frio e sem vida é radicalmente transformado por sua arte que na minha opinião é de extrema criatividade. Nikita leva alegria onde antes havia tristeza, coloca cor onde antes vingava o frio do cinza e do gelo nas paisagens obscuras da russia. Sua “Street art” tem influência no grafite. Com uma maneira interiamente nova, divertida e criativa ela dá vida ao que antes era morto. Através da arte Nikita pinta alegria e traça um caminho de esperança e felicidade num lugar onde a paisagem é tão obscura quanto gélido.

Em entrevista ela diz que não leva muito tempo para terminar o trabalho. “Tudo depende do tamanho do objeto e da sua ideia de intervenção para aquele lugar em particular”. Com certeza o que ela faz é muito mais do que simplesmente pintar faces alegres em prédios ou objetos largados a esmo. Nikita constrói uma nova realidade por onde aplica sua arte que transcende sentimentos e remodela realidades. Definitivamente, um sorriso vai ser criado no rosto das pessoas que apreciam sua arte, assim como nos objetos que ela intervem artisticamente. Através de uma técnica simples, com enfase nas idéias e no poder de sua imaginação ao invés de impressionar pela técnica apurada de seus traços, Nikita nos mostra que uma boa idéia pode transcender anos de técnica artística.

Eu fico lisongeado em poder entrar em contato com sua arte pois me fez re-pensar várias coisas que estão acontecendo comigo artisticamente. Uma arte pura, até infantil alguém pode dizer, mas altamente poderosa e extremamente feliz no resultado final. Ela escolheu a “mídia” exata para transcender suas idéias, torná-las viva. Nikita transformou em alegria as pálidas paisagens por onde passa e nos agraciou com tamanha felicidade que só um simples sorriso verdadeiro pode fazer.

Visite seu blog para ver mais imagens e outras informações.

ART OF THE DAY

ART OF THE DAY is a musical/artistic initiative that asks for people basically to choose a song to sum up their day. Sometimes is very hard to think about a day in terms of a song but I have been thinking about this for a while and most of the time I can relate me day or my last days to a song or a picture or whatever….

Feel free to post comments and please let people know what kind of day experience you are having. I will be thinking about my day and how I spend my time more carefully when I look back and find out that nothing really happened in 24 hours or I have been just completely wasting my time just being totally useless.

It is more like a question “How was your day?” kinda thing that most people take for granted but for some others this question can make a lot of diference, when you really mean it. It is nice to be nice sometimes, on a nice day to a nice person doing nice things outside nice places….